Minha Loja Virtual

Olá tudo bem com você?
Vamos falar sobre tudo o que você precisa saber sobre Slime e Boráx.

Isso tem sido noticia nos últimos dias, o pessoal da minha cidade e quem me acompanha pelo instagram sabe que trabalho nos finais de semana com oficinas de Slime, isso já fazem quase dois anos e constantemente tenho questionamento sobre o uso de boráx como o ativador do Slime, então hoje este post para orientar e esclarecer suas dúvidas.


o Slime é um "lodo" massinha, gosma, amoeba ou geleca, a várias formas de chamar, no entanto ele é um brinquedo conhecido por aliviar o estresse .
Esta "gosma" tem uma textura suave e versátil, que pode entreter e acalmar pessoas que sofrem de ansiedade ou stress excessivo, uma vez que a manipulação da massa viscosa faz com que o nosso corpo relaxe facilmente.


Hoje em dia vai além da simples “gosma”, a moda é o “slime designer”, quando as crianças adicionam corante alimentício, miçangas, glitter, isopor, creme de barbear (que deixa ela macia) e outros produtos para incrementar a slime"(fonte Albert Einsten )


Mas surgem inumeras dúvidas sobre seus ativadores nas receitas caseiras, e o boráx ( mineral utilizado) tem sido sempre mencionado com o tal vilão.

Então vamos a algumas observações e dicas importantes:

Nas oficinas de slimes orientamos crianças menores de 3 anos não brincarem com a massinha pois podem colocar na boca, outra dica importante, lavar as mãos antes e depois de brincar com o slime, por que antes? Por que se a mão estiver suja você pode levar sujeira para o slime, por que depois ? Pois após a brincadeira caso passe as mãos no olho ou na boca não tenha exposição direta com o produto.



Vejamos outro trecho da matéria fonte Einstein.br

(No caso neste trecho abaixo trata-se de o boráx ainda em pó )

"Cuidados com o bórax

O bórax é facilmente absorvido pelo estômago, mas não atravessa bem a pele saudável. A absorção pelo corpo é possível se a pele estiver danificada, com feridas abertas, queimaduras, pele irritada ou descamada, eczema ou problemas de pele semelhantes. As partículas de poeira do pó de bórax podem entrar no ar, aterrissar nos olhos ou dentro do nariz ou da garganta. Isso pode causar uma ligeira irritação.

Os sintomas de intoxicação pelo bórax são:
  • Dores de estômago;
  • Náuseas;
  • Vômitos;
  • Diarreia;
  • Raramente dor de cabeça;
  • Letargia;
  • Irritabilidade e inquietação. 
A evidência mais dramática de excesso de bórax é a vermelhidão da pele, que depois se desprende, especialmente nas palmas das mãos e nas solas dos pés. Atualmente estes casos de dermatites - que são relacionadas a estes efeitos da pele avermelhada e descamativa, é que soou o alarme atual à brincadeira. 

Mas, “quanto” pode ser perigoso? Se o contato for esporádico, uma quantidade inofensiva para uma criança de 2 anos é cerca de uma colher de chá de boro, e para uma criança mais velha, várias colheres de chá e um adolescente ou adulto, várias colheres de sopa.

*Mais uma vez vale lembrar que não é recomendado menores de 3 anos brincarem com o Slime

Na verdade, há mais risco de adoecer quando a exposição ao bórax ocorre dia após dia, seja por ingestão ou pela pele danificada. O risco de intoxicação evidentemente existe, mas é baixo, e os relatos mostram que é provável que a exposição excessiva ao bórax ocorreu nestes casos, e não apenas a brincadeira regular e supervisionada.

No entanto, a melhor coisa a fazer é limitar a exposição de todos a produtos químicos que contenham boro e que sempre os adultos estejam envolvidos na supervisão das brincadeiras e as regras sejam seguidas.


Devemos dizer adeus ao slime?
Não, desde que algumas regras básicas sejam seguidas. Lembrando que é uma decisão dos pais: você sabe o que é melhor para o seu filho. Se você optar por permitir a fabricação e brincar em sua casa, existem maneiras de manter as crianças seguras, minimizando sua exposição ao boro.

E fique atento, crianças pequenas que podem colocar as coisas na boca devem brincar apenas com slime comestível feito com comida. Receitas sem boro, que usam amido ou fibras comestíveis são mais seguras.

Agora que você já sabe tudo sobre o boráx vamos a algumas dicas:

Confira algumas dicas para tornar a brincadeira segura:

  • Utilize sempre luvas ao "fabricar" as slimes;
  • As mulheres grávidas devem evitar receitas que contenham boro;
  • Toda "fabricação" deve ser supervisionado por um adulto;
  • É melhor usar pratos descartáveis e talheres para fazer o slime, em vez de pratos de cozinha que depois serão usados para alimentos ou bebidas;
  • Mantenha o recipiente de bórax fechado e fora do alcance de crianças pequenas;
  • Se derramar o bórax, limpe o pó varrendo e, em seguida, limpe a área do derramamento com uma toalha de papel úmida para pegar a poeira restante;
  • Não deixe a solução com bórax em um recipiente que alguém possa confundir com uma bebida. Despeje a solução não usada ou restante no dreno da pia imediatamente;
  • Idealmente, luvas devem ser usadas durante a mistura do lodo de bórax para manter a pele protegida do bórax;
  • Ao final da brincadeira tire as luvas e lave bem as mãos e os braços com sabão e água;
  • Considere limitar a quantidade de tempo que seu filho brinca com slime. Não há regra, mas trinta minutos à uma hora por dia parece razoável;
  • Lave sempre as mãos após tocar ou brincar com a massa.

Veja a matéria completa no Einstein.com.br 

Nestes quase dois anos eu sempre trabalhei com os Slimes e minha filha de 9 anos também brinca, nunca tivemos nenhum problema, então concluímos que informação e orientação é tudo, fique mais próximo dos seus filhos, supervisione as brincadeiras e sempre, sempre pesquise sobre o que estão fazendo.

Espero que este postagem tenha te informado melhor sobre o que é o Slime e o boráx.

Um beijo com carinho Ju Arruda. 

Deixe um comentário